BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

2 de jul de 2009

Quem eu sou?


Não, quem eu fui…
Eu fui um degrau em sua vida
Um degrau pra ela poder chegar ao céu que eu queria
Um degrau pra ela poder sentar e chorar
Um degrau na escada dela…
Agora sou apenas um degrau
Quem sou eu?
Não, como estou…
Não estou bem
Estou confuso, estou errado, cansado
Cansado de tentar ser a paz que eu não era
Cansado de não encontrar a paz nela
Agora me deixa sentado aqui vendo a chuva
Quem sou eu?
Não, o que eu quero…
Eu queria poder fazer o tempo voltar
Mas não adiantaria nada se a culpa foi minha
Eu queria poder voltar não antes do erro
Mas antes… pra poder dizer a verdade
Agora o tempo não pode voltar, não pra mim
Quem sou eu?
Acho que já estou entendendo
Sou igual a você
Sou humano como você
Sou alguém que errou muito,
se arrependeu dos erros e voltou a cometê-los
milhares de vezes…
E agora?
Agora é hora de acordar
e tentar fingir que tudo isso foi só um sonho
É hora de continuar a mentir pra mim mesmo
Hora de fingir que não vou sentir sua falta
É hora de entender que estas palavras não vão mudar o que fiz
Que não vão mudar os erros, as mágoas, as lágrimas
Mas é hora de ter esperança de que um dia eu aprenda
É hora de encontrar um degrau pra sentar e esperar que você me ensine a viver

0 comentários: