BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

21 de set de 2009

Mulher...


Sexo frágil?
Não é verdade.
Independente da idade
Carrega a responsabilidade
De simplesmente, ser mulher.
Cruz ou privilégio
Sempre é um remédio
Para a insensibilidade,
Masculinidade:
Às vezes rude,
Às vezes grude,
Que sempre urdi
Contra a sociedade,
Achando graça na possibilidade
De ser melhor
Sendo pior;
Sendo a maior,
Fonte de guerras;
Antro de feras,
A competir,
A impelir
O fim do mundo.

Mulher...
Sexo forte;
Carrega o peso ou privilégio
De ser mãe, amante, irmã
E esposa em seu afã
De ser amada,
De ser o amor,
De ser a cor,
Da tela escura,
Da pintura,
Na escultura;
Do artista, musa;
Que se utiliza
Do esplendor
E do dulçor;
No traço
E no retrato,
De um simples ato,
De um simples jeito,
Mais belo,
E complexo,
De ser mulher.

0 comentários: